A melhor ração para o seu pet: saiba como escolher

Escolher a melhor ração para o seu cãozinho não é tão simples, pois há diversas opções e cuidados que devemos tomar. Que tipo comprar?

Existem intermináveis opções na hora de escolher a melhor ração para o seu pet. Premium, super premium, porte, raça, composição e diversas outras informações devem ser levadas em consideração no ato da compra.

Se você é daqueles que sempre sentem aquela dúvida quando está escolhendo a ração, fizemos um compilado de dicas para te ajudar nessa importante missão:

Necessidades Especiais

Assim como nós humanos possuímos algumas necessidades especiais que devem ser levadas em conta no ato da alimentação, com os animais não é diferente. Por isso é importante saber se o seu animalzinho precisa de algum cuidado específico.

Após uma consulta ao veterinário, ele dirá se há ou não alguma característica peculiar que vai determinar a melhor ração, que pode ser uma alimentação baseada em dieta especial para obesidade, ração medicamentosa para problemas cardíacos, renais, hipoalergênicos, entre outras.

Idade:

Quando somos crianças comemos de um jeito e assim que vamos crescendo essa alimentação vai mudando para que esse crescimento seja saudável. Os nossos pets passam pelo mesmo processo e por isso é importante saber qual a melhor ração para sua idade:

Filhote (1 a 12 meses)

Nessa fase da vida, os filhotes precisam de uma alta porcentagem de proteína em sua alimentação para ter um crescimento forte e saudável. Para alimentá-los bem, procure pelas melhores marcas de ração para filhotes, indicadas claramente nas embalagens.

Adulto (acima de 1 ano)

Após completar seu primeiro aninho, seu animalzinho está pronto para a vida adulta e nessa fase existem diversos tipos de ração indicadas para a manutenção. Elas são rações mais equilibradas, com maior variedade de nutrientes e outros tipos de sabores e proteínas.

Sênior (acima de 7 anos)

Os cães tornam-se sênior quando passam dos 7 anos de idade, principalmente nas raças de porte grande, as de porte pequeno chegam a essa fase aos 9 ou 10 anos.

Eles envelhecem, se tornam idosos e ficam mais calmos, merecendo atenção mais especial e por isso a alimentação também muda. Nessa fase, é necessário consumir teores mais baixos de proteínas e sódio. Além de precisarem de um alimento de fácil mastigação, precisam também fortalecer as articulações, por isso é essencial oferecer ração sênior nesta idade.

Porte

Assim como o seu cãozinho precisa de uma alimentação diferente em idades distintas, o porte é outra característica a ser considerada na escolha da ração ideal.

Pequeno (1 a 10kg)

Por ter um desenvolvimento rápido, os cães de pequeno porte gastam muita energia para se locomover e possuem expectativa de vida mais alta. Tendo isso em vista, sua alimentação deve ser balanceada, com maior carga energética e com antioxidantes para dar suporte à longa expectativa de vida destes cães.

Médio (11 a 25 kg)

Eles são rápidos, ágeis, resistentes e muitas vezes caçadores, porém poucas marcas produzem rações específicas para cães de médio porte. Empresas como a Royal Canin priorizaram nutrientes que dão suporte às defesas naturais do animal, com antioxidantes e prebióticos, para mantê-los saudáveis em todas as fases da vida.

Grande (acima de 25kg)

Os cães de porte grande possuem um crescimento muito rápido e geralmente apresentam algumas características peculiares que merecem cuidados específicos, como problemas ortopédicos, maiores chances de ter doença no coração e uma expectativa de vida menor.

Pensando nesses problemas, os fabricantes costumam acrescentar condroitina e glicosamina nas rações para animais de grande porte, pois previnem dores musculares e possíveis questões ortopédicas. A composição de ingredientes nobres como frango, ovos e beterraba são uma solução bastante aprovada pelos consumidores, uma vez que proporcionam alto aproveitamento e melhor absorção de nutrientes.

Raça

Em menor escala, mas também sendo importante, adquirir ração para raças específicas pode auxiliar no tratamento de alguns animaizinhos.

Esperamos que com essas dicas você possa conhecer melhor o seu pet e avaliar a melhor escolha de ração para ele consumir, sempre na melhor qualidade e ideal para sua saúde e bem-estar.

Deixe uma resposta