Como adestrar um gato em casa?

Os gatinhos são animais inteligentes e possuem características particulares que fazem com que seu adestramento em casa seja um pouco mais fácil.

Um dos grandes responsáveis pela boa convivência entre o gato e seu dono é a comunicação. No caso do gatinho, temos que entender que sua maneira de comunicar varia muito, dependendo do seu humor e das circunstâncias pelas quais esteja passando.

Se o seu bichinho anda com a cauda levantada em direção a você ou em movimento ondulatório, além dele se roçar em você e querer brincar, ele está saudável e feliz.

Como trabalhar o adestramento?

Nunca podemos ir contra a vontade de um animal de forma que faça algo que bata com os instintos dele ou que não seja natural. O objetivo é conseguirmos fazer com que o felino associe determinado comportamento a uma ordem ou à ação do seu dono.

Prêmios

Um dos grandes ajudantes são os prêmios em forma de petisco ou brinquedinhos. Se você pedir algo e ele fizer, ou seja algo que ele faça de maneira natural, você pode recompensá-lo com alguma coisa para que ele se sinta feliz e entenda que foi algo positivo.

Assim que o comportamento desejado for instintivo, não será necessário recompensá-lo. Retire de forma gradual e substitua por carinhos e elogios.

Coerência

Procure manter a mesma frase em caso de uma ordem e um único estímulo para que ele aprenda a se comportar da forma desejada. Um animal nunca vai aprender corretamente se ficarmos mudando isso frequentemente.

Procure ser firme, principalmente nos primeiros meses, quando o gatinho ainda estará no processo de aprendizagem. Não deixe com que ele faça algo que você não quer, nem que seja por pouco tempo. A coerência é importante.

Reforços negativos

Os gatinhos são um problema para nossas plantas, móveis e comidas, porém não podemos tirá-los à força ou agredi-los. É necessário ser firme e aumentar o tom de voz para que eles entendam que a atitude atual é errada.

Dizer coisas como NÃO, FORA, DESCE DAÍ e outras mais, pode ajudá-los a entender que isso é errado. Lembre-se de recompensá-los quando atenderem ao seu comando.

Desde cedo

O ideal é começar a educar o nosso bicho de estimação desde filhote, pois ele vai adquirir os conhecimentos mais rapidamente e isso se tornará parte de nossa rotina e de seus costumes.

Além disso, faça com que ele se acostume com a presença de outras pessoas perto dele, para que ele não se assuste em alguma determinada situação.

São dicas simples e práticas que podem ser aplicadas no dia a dia do animal e que com certeza irão ajudar você a adestrar o seu gatinho para que ele se torne um animal mais responsável e educado.

Deixe uma resposta